+55 (67) 3546.2571
sbado, 23 de janeiro de 2021
bataguassu
bataguassu
terça, 30 de outubro de 2012 - 10:30

SPFW traz tops e sensualidade no 1º dia de desfiles

No primeiro dia da 34º edição do São Paulo Fashion Week passaram pelas passarelas montadas na Galeria Zipper e no Parque Villa-Lobos, em São Paulo, nomes como os das tops Carol Trentini, Isabeli Fontana e Alicia Kuczman, que desfilou com exclusividade para Ellus. Apesar dos looks serem voltados para o inverno, a sensualidade esteve presente em vários looks, que trouxeram tecidos leves e com transparência. Mas o público também viu roupas preparadas para invernos bem gelados, como na proposta da Osklen, que abriu o evento no início da tarde calorosa da capital paulista.

O desfile da Osklen, que aconteceu na Galeria Zipper, nos Jardins, teve número restrito de convidados. Na passarela, a top Carol Trentini foi o destaque, abrindo a apresentação com uma combinação bege e preta. De longe, a coleção da grife vem preparada para um inverno rigoroso, já que as peças aparecem com pelem volumosas e feitas do neoprene mais grosso. O shape, na maioria das vezes aparece justo na perna e mais cheio no tronco. O destaque ficou para os acessórios de cabeça e botas de pelo nos pés, mas a linha provavelmente será adaptada para o frio brasileiro. Sem neve, alguns modelos serão perfeitos para quem tem uma viagem marcada para um destino realmente frio. 

Ronaldo Fraga foi responsável por inaugurar a nova passarela do SPFW, montada no parque Villa-Lobos. O estilista fez mais uma viagem por terras brasileiras e homenageou Minas Gerais, com uma coleção calorosa, que suporta as altas temperaturas mineiras, mesmo em seu mais rigoroso inverno. Apesar das pernas de fora, as palas apareceram sobrepostas a coletes de tricô e dividiram espaço com peças de moletom. A seda apareceu em logos leves, soltos e com uma leve transparência, mas que não deixava o corpo das modelos totalmente à mostra. A cartela de cores ficou entre os tons de roxo, azul, carbono e rosa, além do preto, que ganhou destaque em calças, saias e vestidoscom barbatanas, responsáveis por dar estrutura e leve movimento às peças.

A Têca parece ter agradado o público, que assistiu à apresentação ao som de Secret, de Ormonde, e Voyage, de Charlotte Gainsbourg. Para o inverno, Helô Rocha misturou a feminilidade – marca registrada da grife – com certa “brutalidade” da caça inglesa, onde a estilista se inspirou. De qualquer forma, o resultado foi uma linha exuberante e extremamente elegante. As peças estruturadas e com shape reto dividiram espaço com brilho, tecidos finos até aqueles mais pesados como o couro, por exemplo. A renda, que abriu a apresentação, apareceu ora combinada com sutiã, ora sem nada, deixando os seios à mostra, apostando na sensualidade. Já a segunda parte do desfile levou para a passarela tecidos mais fluidos e com estampa de lenço com mix de cores.
Atemporal, brilhante e transparente. Assim podemos resumir a linha de inverno do estilista Fause Haten. Tule, tutu, paetês e plumas formavam vestidos ousados, sexy e chamativos. O estilista não poupou na quantidade de lantejoulas nem de tecido colado ao corpo para dar a impressão de segunda pele. Uma sequência de modelos com body transparente, com cones – ao estilo Madonna, que cobriam os seios das modelos, trouxeram sensualidade. Ombreiras, colares grudados ao pescoço e broches finalizavam os logos, dando ainda mais brilho às combinações. Além disso, os óculos dourados e totalmente cravejados de pérolas e pedras brilhantes apareceram em todos os looks.
Tufi Duek levou para a passarela o terror em sua linha, totalmente inspirada no filme Os Pássaros, de Alfred Hitchcock. Sob os olhos atentos da plateia e ao som de uma trilha calma e de suspense, as modelos desfilaram uma linha rica em detalhes. A top Isabeli Fontana foi a estrela da vez, abrindo a apresentação com uma saia lápis, um bustiê com colo de tela e longas sandálias de cano alta na parte de trás e amarrações na parte frontal, a mesma desfilada por todas as outras modelos, algumas vezes com cano mais baixo. A mulher apareceu em um formato sexy, com tomara-que-caia (decote que dominou a linha) evocando a imagem der Tippi Hedren, a protagonista do filme. Mas do longa realmente pudemos ver uma cartela de cores escura, com verde, roxo e vermelho, além do preto , que foi trabalhado em diversos materiais, criando novas texturas.
A Triton levou para a passarela uma combinação de saias de tecido fluido ou estruturado, com fendas ousadíssimas, mas combinadas com casacos, paletós e coletes oversized. O corte grande também apareceu em calças e bermudas, mas desta vez combinadas com camisetas que deixavam a barriga de fora e com estampas divertidas. O shape solto apareceu em sobreposições de peças que seguiam o mesmo corte. A linha foi apresentada em blocos de cores, começando pela tradicional combinação de preto e branco, passando pelo verde, azul e vermelho, que também acompanhavam a beleza e, por consequência, trouxe modelos com batom nos mesmos tons.O jacquard dividiu espaço com a seda, o couro, os tecidos felpudos e com brilho e com o já famoso verniz.
A Ellus encerrou o primeiro dia de SPFW com roupas policiais, incluindo cap e óculos aviador. A apresentação começou com a top Alicia Kuczman, que desfilou com exclusividade para a grife, usando calça, camisa, botas e o acessório indispensável para a apresentação, o cap. A cartela de cores não passou do preto, verde e azul em tons escuros, mas destacou peças estampadas em vermelho, branco e preto, estampadas como pele de cobra. As fendas e decotes viraram centro das atenções dos looks femininos e as golas altas nos looks masculinos, ao lado dos coturnos pretos. Nos pés das modelos, ora botas exageradas e pesadas, ora sapato tipo boneca.
Modelo chora e famosos falam da vida pessoal
Os bastidores do São Paulo Fashion Week sempre chamam a atenção pela movimentação das celebridades, mas no primeiro dia desta edição, uma modelo deixou a plateia curiosa durante o desfile da Tuffi Duek. Sem nenhuma explicação evidente, Lovani Pinnow entrou na passarela chorando, enquanto exibia um dos modelos da coleção inspirada no filme Os Pássaros, de Alfred Hitchcock. Não se sabe se tudo não passou de uma representação do clima de suspense e terror, ou se tratou de pura emoção de desfilar no São Paulo Fashion Week.
Nos bastidores, famosos falaram como andam a vida amorosa. Alguns, como a apresentadora Fiorella Mattheis, comemoraram a fase amorosa e outros, como Ronny Kriwat, lamentaram a solidão. Convidada para apresentar a nova linha de maquiagens da marca – Make B Miami Sunset -, Fiorella falou sobre o seu relacionamento com o judoca Flávio Canto. “Estou casada e já moramos juntos”, contou a modelo ao admitir que ainda sonha em entrar na igreja com o tradicional vestido de noiva.
Por outro lado, o ator Ronny Kriwat garantiu que continua solteiro, apesar dos boatos de que teria voltado com sua ex-namorada, a ex-Malhação Bia Arantes. “Ela é minha melhor amiga, nós não voltamos. Talvez por estarmos sempre juntos, falaram isso. Estou sozinho, mas sinto falta de uma namorada”, declarou. Questionado se há chances de reconciliação com a atriz, que foi sua primeira namorada, o ator deixou no ar: “não sei, quem sabe. Namoramos por dois anos”.
Ainda nos bastidores, a apresentadora de um programa sobre moda do canal à cabo Glitz, Ellen Jabour, fez questão de frisar que não se considera uma vítima da moda, pois não se encaixa em seu perfil “vestir modinhas”. Ellen conta que prefere as peças que valorizam o colo. “Gosto muito de deixar a minha pele à mostra, não gosto de nada muito coberto”, observa.
Também antenada ao mundo da moda, a apresentadora e repórter do programa Amaury Júnior Laura Wie relembrou os seus tempos de modelo, como quando desfilou na primeira edição do SPFW, em 1986. Wie foi modelo por 15 anos e sempre gostou de acompanhar o mundo fashion. Apesar de não ser mais modelo, a apresentadora se disse contente com a evolução da moda brasileira no cenário mundial.
Maternidade no mundo fashion
Casado desde o início de março com a top Carol Trentini, o fotógrafo Fabio Bartelt acompanhou o desfile exclusivo da mulher pela Osklen e falou sobre a possibilidade do casal ter filhos: “se vier, vai ser bem-vindo”, comentou. Desde que se casaram, Carol e Fabio tentam conciliar as agendas e ficam juntos sempre que a ponte aérea entre São Paulo e Nova York permite. Após o desfile para a Osklen, Carol deve ficar no País até que ela tenha um novo compromisso profissional em NY.
Por falar em bebês, Luiza Gottschalk, ex-participante do reality show A Fazenda 3, compareceu ao SPFW com sua filha Nina, de 2 meses. Questionada sobre a maternidade, a atriz respondeu que a filha é de produção independente. “Desde os 18 anos quis engravidar. A gravidez foi inesperada, porém muito desejada”, contou, sem revelar a identidade do pai da menina.
Comentários
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
23min31max
AnaurilândiaSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
21min30max
Campo GrandeSol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.
21min30max
DouradosSol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora.
24min31max
Três LagoasSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.