+55 (67) 3546.2571
segunda, 26 de julho de 2021
quarta, 10 de junho de 2015 - 15:55

Campanha de doação de sangue movimenta Câmara de Três Lagoas

Em parceria com o Hemonúcleo de Três Lagoas, a Câmara Municipal realizou, na manhã desta quarta-feira (10), campanha de doação de sangue, na sede do Legislativo, envolvendo servidores efetivos e comissionados. 48 pessoas se dispuseram a doar, sendo que, após as avaliações, 31 estavam aptas, resultando, assim, na coleta de 31 bolsas. Além da doação de sangue, foram cadastrados doadores de medula óssea. A ação faz parte das comemorações do centenário de Três Lagoas e foi sugerida pelo assessor Rafael Tadeu Capatini da Silva, do gabinete do vereador Marcus Bazé. Rafael já é doador e contou que teve a ideia visando melhorar a quantidade de sangue no estoque do hemonúcleo. Outra conquista da ação, no entanto, acabou sendo o estímulo para que muitas pessoas doassem sangue pela primeira vez, o que foi o caso de boa parte dos participantes da campanha. A assessora parlamentar Renata Otero, de 44 anos, contou que sempre teve vontade de doar sangue, porém não teve oportunidade de ir ao hemonúcleo. “Adorei a iniciativa. Saber que estamos ajudando muitas pessoas com um ato tão simples é uma alegria”, relatou. Renata também coletou material para doação de medula óssea. “Tenho uma amiga que precisa de doação e eu tinha um sentimento de que seria doadora de medula”, disse. A técnica administrativa Adriana Valieri, de 30 anos, foi outra novata. Ao final da coleta, ela passou um pouco mal, mas garante que isso não a desestimulou de prosseguir. “Não vou desistir de ser doadora. Vou tentar novamente, em outra ocasião”, afirmou. O técnico administrativo Ubiratan Botelho Alves, de 27 anos, disse que a oportunidade resultou em uma ótima experiência. “Fazia tempo que eu queria doar, mas tinha algum receio e fui adiando. A campanha do centenário foi um estímulo para eu iniciar. A partir de agora, pretendo ser doador regular”, afirmou. O contador Ariel Dias Garcia ainda não definiu, mas se disse propenso a continuar doando. Para ele, a iniciativa de ter a coleta feita no ambiente de trabalho estimulou pessoas que já eram sensíveis à causa pudessem passar para a prática. “Muitas vezes, com a falta de tempo, a gente acaba não priorizando uma ida ao hemonúcleo”, explicou. De acordo com a equipe do hemonúcleo, a média de coleta é de dez a 11 bolsas por dia. “Achamos que foi bastante proveitoso, porque conseguimos coletar o equivalente a três dias”, avaliou o assessor Rafael, que idealizou a campanha.
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
17min34max
AnaurilândiaSol com algumas nuvens. Não chove.
19min34max
Campo GrandeSol com algumas nuvens. Não chove.
17min34max
DouradosSol com algumas nuvens. Não chove.
18min34max
Três LagoasSol com algumas nuvens. Não chove.