+55 (67) 3546.2571
domingo, 25 de julho de 2021
sexta, 3 de julho de 2015 - 09:55

Docentes da UFMS recusam contraproposta do governo federal e continuam em greve

Os docentes da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) recusaram a contraproposta do governo federal de reajuste de 21,3% fracionado em quatro vezes – 2016, 2017, 2018 e 2019 –, inferior aos 27,3% reivindicados para janeiro do próximo ano, sem parcelamento. A decisão foi tomada em Assembleia realizada nessa quarta-feira (1). Os professores seguiram o posicionamento do CNG (Comando Nacional de Greve). Com isso a docência da UFMS continua em greve por tempo indeterminado, por conta da proposta apresentada pelo secretário de Relações de Trabalho no Serviço Público, Sérgio Mendonça, vinculado ao MPOG (Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão). “É indecorosa essa proposta!”, disse o professor Fábio Henrique Viduani Martinez. Os professores avaliaram que o percentual ofertado pelo MPOG não repõe as perdas decorrentes da inflação.
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
16min33max
AnaurilândiaSol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.
17min34max
Campo GrandeSol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.
16min34max
DouradosSol com algumas nuvens. Não chove.
17min33max
Três LagoasSol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.