+55 (67) 3546.2571
quinta, 23 de setembro de 2021
quinta, 19 de setembro de 2013 - 09:20

Fibria recebe alunos do projeto Patrulha Mirim do Trânsito

 Com o intuito de conhecer um pouco mais sobre preservação ambiental e a vegetação nativa da região, alunos do projeto Patrulha Mirim do Trânsito, visitaram o Núcleo de Educação Ambiental (NEA), da Fibria/MS.

Atualmente, o projeto Patrulha Mirim, conta com cerca de 30 crianças e tem como objetivo social o desenvolvimento de atividades pedagógicas, recreativas, culturais, auxílio tarefa, noções básicas de trânsito, com participação em blitz e campanhas educativas com crianças e adolescentes.

Acompanhados pelo Comandante da 2ª Companhia do 14º Batalhão de Polícia Militar Rodoviário, Major James Magno, militares e professores do projeto, as crianças foram recebidas com um café da manhã e recepcionadas pelo técnico de meio ambiente florestal da Fibria, Manoel Messias, que falou um pouco sobre a Unidade, as florestas plantadas de eucalipto, os animais e a vegetação característica da região.

Após a apresentação, as crianças iniciaram o percurso de uma trilha em meio a reserva nativa da Fibria, localizada na Fazenda Barra do Moeda. “Neste trajeto podemos identificar quatro tipos de vegetações características da região, que são: Cerrado, Cerradão, Várzea e Mata”, explica o técnico de meio ambiente.

No percurso da caminhada ecológica, foi reforçada a importância da preservação ambiental e explicadas as principais características das vegetações. “O interessante do percurso desta caminhada, é que quando explicamos algo, as crianças podem constatar as informações ao olhar ao redor, como a formação das árvores e a importância das próprias folhas e galhos, que servem como adubo e fornecem todos os nutrientes de que as plantas precisam”, diz Messias, que reforça. “A integração das crianças com o meio ambiente é importante para que elas conheçam a necessidade de manter o equilíbrio da fauna e flora e possam praticar a educação ambiental em seu dia a dia”.

Sobre a Fibria

Líder mundial na produção de celulose de eucalipto, a Fibria possui capacidade produtiva de 5,25 milhões de toneladas anuais de celulose, com fábricas localizadas em Três Lagoas (MS), Aracruz (ES), Jacareí (SP) e Eunápolis (BA), onde mantém a Veracel em joint venture com a Stora Enso. Em sociedade com a Cenibra, opera o único porto brasileiro especializado em embarque de celulose, Portocel (Aracruz, ES). Com uma operação integralmente baseada em plantios florestais renováveis localizados nos Estados do Rio Grande do Sul, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul e Bahia, a Fibria trabalha com uma base florestal total de 958 mil hectares, dos quais 336 mil são destinados à conservação ambiental. Em outubro de 2012, a companhia firmou aliança estratégia com a norte-americana Ensyn para investir no segmento de combustíveis renováveis a partir de madeira e biomassa.

Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
16min33max
AnaurilândiaSol com algumas nuvens. Não chove.
20min35max
Campo GrandeSol com algumas nuvens. Não chove.
19min36max
DouradosSol com algumas nuvens. Não chove.
17min33max
Três LagoasSol com algumas nuvens. Não chove.