+55 (67) 3546.2571
segunda, 10 de maio de 2021
quarta, 6 de junho de 2018 - 15:25

Liminar suspende desapropriação de frigorífico em MS

Audiência de conciliação entre a Prefeitura de Cassilândia e a empresa Rodopa/Forte acontece no próximo dia 13 de junho

O proprietário do frigorífico de Cassilândia, que teve o prédio desapropriado pela Justiça, contestou a decisão e conseguiu uma liminar de suspensão no último dia 21 de maio. Á época, a ação movida pela prefeitura contra a empresa Forte S/A Empreendimentos e Participações, atual detentora do endereço, cobrava a desocupação do local por entender que a unidade é de “utilidade pública e interesse social”.

No próximo dia 13 de junho de 2018, será realizada a audiência de conciliação entre a Prefeitura de Cassilândia e a empresa Rodopa/Forte, proprietária da área e das instalações onde funcionava, de aluguel, o frigorífico da JBS no município.

Conforme a defesa da empresa, a Prefeitura entrou com processo na Justiça para desapropriação do prédio, sem antes ter entrado em contato com a Rodopa, alegando que não houve interesse da proprietária da planta frigorífica em reabrir o local e que o mesmo estava abandonado. A Prefeitura conseguiu uma liminar para reintegração de posse do imóvel, mas a desembargadora Tânia Borges concedeu efeito suspensivo no dia 21 de maio e devolveu a posse à Rodopa.

Nos últimos dez anos o frigorífico operou ininterruptamente e teve suas atividades paralisadas por decisão do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica).

“O que eu procuro é justiça. A Prefeitura entrou com um processo ilegal. Nunca fui procurado pelo prefeito de Cassilândia ou qualquer representante para falar sobre o frigorífico ou qualquer assunto, meu endereço é público, a Prefeitura tinha conhecimento do endereço atualizado da Rodopa através das certidões anexadas por eles. Desde a decisão do Cade, estava negociando com vários grupos empresariais a locação do prédio e retomada das atividades do frigorífico o mais rápido possível, porque além de ser do interesse da Rodopa reabrir, é importante para a cidade de Cassilândia e é o trabalho de mais de 600 pessoas”, disse o empresário Sérgio Longo, reafirmando seu desejo de retomar as atividades do frigorífico em Cassilândia através da locação a uma empresa com capacidade técnica e operacional.

O imóvel e as instalações onde funcionavam o frigorífico são de propriedade da Rodopa/Forte, e ao longo dos anos recebeu milhões em investimentos (benfeitorias e equipamentos de última geração). Em 2014, a ECunha Consultoria Empresarial avaliou o imóvel em R$ 40,9 milhões, valor muito distante dos R$ 320 mil que a Prefeitura se disponibilizou a pagar em uma possível desapropriação.



Fonte: Campo Grande News
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
18min32max
AnaurilândiaSol com algumas nuvens. Não chove.
18min32max
Campo GrandeSol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.
16min33max
DouradosSol com algumas nuvens. Não chove.
19min32max
Três LagoasSol com algumas nuvens. Não chove.