+55 (67) 3546.2571
Quarta, 23 de Agosto de 2017
santa rita02
bataguassu
Quinta, 10 de Agosto de 2017 - 16:40

Madonna vai a Justiça contra leilão que pretendia vender suas calcinhas

Cantora disse ter ficado "chocada" e considerou leilão "nojento e ofensivo"

O juiz da Suprema Corte dos Estados Unidos, Gerald Leibovitz, ordenou que uma empresa de leilões retire de um leilão 22 itens da cantora norte-americana Madonna, incluindo um par de calcinhas, uma carta do seu ex-namorado, o rapper Tupac Shakur, e uma escova contendo fios de cabelo da cantora.

Madonna disse em uma decisão de emergência da Corte que estava "chocada" ao saber do leilão online. A pop star nem tinha conhecimento de que a carta de seu ex-namorado não estava mais em suas mãos.

"O fato de eu ter atingido o status de celebridade como resultado do sucesso na minha carreira não diminui meu direito de manter minha privacidade, especialmente a de itens altamente pessoais", disse Madonna.

 

"Eu entendo que meu DNA poderia ser extraído de um pedaço do meu cabelo. É aterrorizante, nojento e ofensivo que meu DNA possa ser leiloado para o público geral", continuou a cantora.

A carta de Tupac, considerado um dos maiores rappers do mundo, poderia levar a empresa a lucrar 400 mil dólares. O rapper morreu em 1996, em um tiroteio no trânsito.



Fonte: midiamax
Veja Também
Comentários
Netshoes Temporário
Dengue Camara de Brasialndia
brasilandia rodape