+55 (67) 3546.2571
quinta, 05 de agosto de 2021
terça, 23 de junho de 2015 - 17:20

Polícia Civil identifica vítima de homicídio ocorrido em Jupiá

A Polícia Civil de Três Lagoas confirmou nesta terça-feira (23) a identificação do andarilho que foi espancado a pauladas no início da madrugada do último dia 12 de Junho deste ano enquanto bebia e usava entorpecentes na companhia e dois amigos na frente de uma residência na Rua Egídio Thomé no bairro Jupiá. A MORTE E IDENTIFICAÇÃO Devido os graves ferimentos causados em sua cabeça, a vítima até então não identificada, morreu neste domingo (21) no Hospital Auxiliadora de Três Lagoas. Seu corpo foi levado ao Instituto de Medicina e Odontologia Legal (IMOL) para tentar fazer a identificação da vítima. Nenhum parente foi até o IMOL para reconhecer a vítima e devido à polícia não saber sua identidade, ele foi sepultado na segunda-feira (22) como óbito não identificado. Antes do fúnebre, os investigadores colheram suas digitais e enviaram ao núcleo de perícias da capital para tentar fazer sua identificação. Nesta terça-feira (23), o laudo retornou a Polícia Civil de Três Lagoas e ficou confirmado que a vítima fatal se tratava de Valdir Campos de Carvalho de 43 anos, conhecido como “Negão”, natural de Ivinhema-MS. PASSAGENS POLICIAIS Por inúmeras vezes, a reportagem do site TL Notícias acompanhou as prisões feitas em desfavor de Carvalho que era uma pessoa muito agressiva. O homem residia em um casa abandonada localizada atrás de uma cerâmica na saída para Campo Grande. Além de furtos e roubos praticados em Três Lagoas nos últimos meses, a vítima fatal que atuava como carvoeiro foi à pessoa que tentou estuprar e atear fogo em uma garota de programa na saída para a cidade de Brasilândia-MS. Em uma checagem em seu nome, a polícia constatou que o suspeito já esteve preso nas unidades prisionais paulistas de Pacaembu, Presidente Venceslau, Valparaíso e Taubaté pelos crimes de homicídios, tráfico de drogas e assalto. ENTENDA O CASO O autor do homicídio preso dias depois pela Polícia Rodoviária Estadual (PRE) de Castilho, disse que agrediu os amigos porque um deles teria puxado uma faca para matá-lo. O matador Marcio da Conceição Santos de 37 anos, natural de Anadia-AL revelou em entrevista exclusiva ao site TL Notícias que iria matar “Negão” e que a segunda pessoa agredida morreu por estar na hora e lugar errado. A segunda vítima fatal foi identificada como Odair Rogério Louzada de 42 anos. O homem foi enterrado em Castilho-SP, onde reside sua família.
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
13min29max
AnaurilândiaSol com algumas nuvens. Não chove.
15min28max
Campo GrandeSol com algumas nuvens. Não chove.
14min26max
DouradosSol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens.
14min29max
Três LagoasSol com algumas nuvens. Não chove.