+55 (67) 3546.2571
segunda, 22 de julho de 2019
bataguassu
bataguassu
quarta, 10 de julho de 2019 - 13:25

Polícia prende 2 e apreende drogas e arma em ação contra tráfico em aldeias

Homem é acusado de vender drogas e ameaçar moradores das aldeias; mulher armazenava maconha no Parque Alvorada

Esron Rodrigues Machado 31, acusado de vender drogas na reserva indígena de Dourados, foi preso nesta quarta-feira (10) na Operação Única Pele, desencadeada pelo SIG (Serviço de Investigações Gerais) da Polícia Civil com apoio da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira).

 

Ele foi preso na Aldeia Jaguapiru, onde mora. Com o suspeito a polícia encontrou drogas e um revólver calibre 38 municiado com cinco cartuchos de origem estrangeira.

Também foi presa Caroline Assuite Rocha, 25, moradora no Parque Alvorada, bairro da região oeste da cidade localizado nos arredores da reserva indígena.

Na casa dela foram encontrados 81 quilos de maconha e cinco porções de cocaína. Conforme a polícia, a casa servia para depósito do entorpecente, mas os moradores também faziam a venda através do chamado “disque-droga”.

Caroline foi levada para a sede do SIG e para ser autuada em flagrante por tráfico. Ela disse que sabia da maconha guardada na casa, mas nega envolvimento com a droga. O marido de Caroline conseguiu fugir e está sendo procurado pela polícia.

De acordo com o delegado Rodolfo Daltro, chefe do SIG em Dourados, foram cumpridos quatro mandados de busca. O nome da operação é em alusão à homogeneidade de tratamento conferido à população, independente das origens.

“Além de ser suspeito de traficar drogas, o indivíduo preso era apontado como pessoa violenta, acusado em várias oportunidades de ter agredido fisicamente usuários de drogas que contraiam dívidas”, afirmou o delegado.

 


Fonte: Campo Grande News
Veja Também
Comentários
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
Netshoes Temporário