+55 (67) 3546.2571
segunda, 02 de agosto de 2021
quarta, 1 de julho de 2015 - 14:20

Produtores Rurais de Selvíria serão beneficiados pelo Programa Colmeias

Três Lagoas, 1º de julho de 2015 – Com o intuito de fomentar os múltiplos usos das florestas plantadas de eucalipto e contribuir com o desenvolvimento das comunidades vizinhas onde atua, a Fibria assinou o termo de parceria com 40 novos apicultores do município de Selvíria (MS), que integrarão o Programa Colmeias. Realizado há seis anos em Mato Grosso do Sul, o programa contribui para a melhoria da qualidade de vida dos apicultores, gerando trabalho e renda, por meio do desenvolvimento e aperfeiçoamento da cadeia apícola. Nas últimas duas safras (2014/2015) foram produzidas 217 toneladas de mel na região. A maioria dos novos apicultores reside em propriedades vizinhas às áreas da empresa no município de Selvíria. “Como já desenvolve o PDRT na região, surgiu a oportunidade de integrá-los ao Programa Colmeias. Após alguns diagnósticos realizados no início de 2015, iniciou o processo de formalização da associação de apicultores, tendo como sócios agricultores familiares, moradores da área urbana, produtores e vizinhos rurais”, diz a consultora de Sustentabilidade da Fibria, em Três Lagoas (MS), Evânia Lopes. Com esta adesão o Programa Colmeias terá a participação de 139 apicultores que integram cinco associações. “A Fibria trouxe mais uma oportunidade para fortalecer a nossa geração de trabalho e renda, que é a produção de mel, e estamos muito ansiosos para começar a trabalhar”, afirma o presidente da Associação de Apicultores de Selvíria (APISEL), Marcos Saram. De acordo com Evânia, o próximo passo é a entrega das colmeias para os apicultores e o início das capacitações técnicas. “Essas atividades abordarão questões de segurança, preparo de colmeias para a instalação, como fazer uso do pasto apícola nas florestas de eucalipto da Fibria para a produção de mel, entre outros temas que irão possibilitar o início da atividade”, diz Evânia. O pasto apícola é a floresta plantada de eucalipto que a Fibria possui na região e disponibiliza para os apicultores instalarem as colmeias. “Para a instalação dos apiários é feito o georeferenciamento, ou seja, um estudo em que mapeamos estrategicamente a distribuição de todas as colmeias e levantamos a época da florada do eucalipto para que a produção do mel possa ser potencializada. Em Selvíria, a extensão do pasto é de 14.180 hectares”, explica Gustavo Zapata, proprietário da Zapata Consultoria que auxilia o programa Colmeias em todas as unidades da Fibria. Fomento da cadeira produtiva do Mel Com o apoio da Fibria e parceria entre o Instituto Votorantim e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), foram investidos mais de R$ 1 milhão na construção e compra de equipamentos para duas Casas do Mel, localizadas e Brasilândia e em Arapuá, distrito de Três Lagoas. No distrito de Arapuá, a Casa do Mel já está operando e foi inaugurada no mês de março de 2015. Toda a estrutura física do local foi edificada e equipada com maquinários para o processamento e envasamento do mel. No município de Brasilândia, já havia uma estrutura, porém, devido ao planejamento para dobrar a produção faltavam equipamentos para o processamento e envasamento do mel. Com esse apoio, o local será ampliado fisicamente e equipado para atender a demanda dos apicultores. “A intenção é que, com essas duas Casas do Mel, a produção possa ser certificada e disponibilizar a venda do mel para compras públicas, com o objetivo de fortalecer as associações e agregar mais valor à renda dos apicultores envolvidos”, finaliza Evânia. Sobre a Fibria Líder mundial na produção de celulose de eucalipto, a Fibria é uma empresa que procura atender, de forma sustentável, à crescente demanda global por produtos oriundos da floresta. Com capacidade produtiva de 5,3 milhões de toneladas anuais de celulose, a companhia conta com unidades industriais localizadas em Aracruz (ES), Jacareí (SP) e Três Lagoas (MS), além de Eunápolis (BA), onde mantém a Veracel em joint-venture com a Stora Enso. Com ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR nível III na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE), a Fibria tem 29,42% de sua composição acionária detida pela Votorantim Industrial S.A., 30,38% pela BNDESPAR e 40,20% de free-float no mercado financeiro.
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
12min27max
AnaurilândiaDia de sol com algumas nuvens e névoa ao amanhecer. Noite com poucas nuvens.
14min29max
Campo GrandeSol com algumas nuvens. Não chove.
11min26max
DouradosDia de sol, com nevoeiro ao amanhecer. As nuvens aumentam no decorrer da tarde.
13min27max
Três LagoasDia de sol com algumas nuvens e névoa ao amanhecer. Noite com poucas nuvens.