+55 (67) 3546.2571
sábado, 25 de setembro de 2021
sábado, 21 de setembro de 2013 - 10:15

Professora de Nova Andradina morre por causas desconhecidas

Uma professora de Nova Andradina, identificada como Leliane Rocha Andrade Oliveira, de 28 anos, veio a óbito ontem (20), em um hospital na cidade de Dourados, distante a 225 km de Campo Grande. A vítima teria passado mal na quinta-feira (19) e procurado atendimento na unidade do Cassems de Nova Andradina.

Devido à complexidade do caso, a professora foi transferida, durante a noite, para Dourados, em um hospital da mesma rede, onde não resistiu e morreu em poucas horas. Pessoas próximas a Leliane Oliveira afirmaram que ela esteve afastada das salas de aula na última semana por estar acompanhando sua filha de quatro anos, que permanecia internada no mesmo hospital.

Durante o período de internação, a criança teria contraído outra enfermidade diferente daquela que havia motivado sua entrada na unidade hospitalar. A filha da vítima teria recebido alta médica na quarta-feira (18). Ainda de acordo com amigos e familiares, Leliane Oliveira teria entrado no hospital por volta das 17h30 e, no início da madrugada, sofrido parada cardíaca, motivo pelo qual foi transferida.

Existe a suspeita, por parte dos familiares, de que a professora teria dado entrada no hospital de Dourados já sem vida. Atualmente a professora lecionava na Escola Estadual Fátima Gaiotto Sampaio para alunos dos ensinos Fundamental e Médio. O diretor da escola, Fábio Zanatta, em nome de todos os funcionários, lamentou o ocorrido e disse estar à disposição da família para auxiliar no que for necessário.

O corpo de Leliane Oliveira está sendo velado no Velório Municipal e seu sepultamento será realizado no hoje (21).

Ambulância

Apesar do hospital onde a vítima deu entrada ser uma instituição particular, ele não conta com veículo para transporte intra hospitalar, o que gerou desconforto entre os conveniados ao plano de saúde oferecido pela unidade. Devido a deficiência, a ambulância equipada com Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do município foi acionada para atender o procedimento clínico, que deveria ser de responsabilidade da unidade hospitalar, que recebe de seus associados para prestar serviço.

O responsável pela ambulância, Henrique Petyk, disse que a prioridade é salvar a vida da vítima. "Todas as vezes em que formos acionados, sem dúvida prestaremos atendimento imediato. Se a pessoa que necessita do socorro possui ao não algum plano particular esta é uma questão que será discutida em segundo plano, por isso, enviei a ambulância. Nossa meta é salvar vidas", explica.

Em nota, o Hospital Cassems sugere que a morte da professora possa ter ocorrido em decorrência de gripe H1N1.

Nota de esclarecimento da Cassems

A diretoria da Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul (Cassems) está voltada para o triste episódio da beneficiária Leliane Rocha Andrade Oliveira. A Cassems prestou atendimento, conforme protocolo clínico.

De acordo com o prontuário, a paciente estava com quadro de infecção pulmonar e evoluiu com insuficiência respiratória, desta forma, não podemos descartar um quadro viral por Influenza.

Mesmo sendo esse um momento de muita dor e tristeza, não só para a família da beneficiária, mas para toda a família Cassems e para a população de Nova Andradina, a Caixa dos Servidores está tomando todas as medidas necessárias para dar suporte e conforto à família da beneficiária.

A diretoria Clínica do Hospital Cassems de Nova Andradina está acompanhando todo o processo e, após ter acesso ao atestado de óbito, voltará a se pronunciar.

Gripe Influenza H1N1

Doença provocada por vírus da mesma família da gripe. É transmitida de pessoa para pessoa especialmente através de tosse ou espirro. Algumas pessoas podem se infectar entrando em contato com objetos contaminados.

Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
19min35max
AnaurilândiaSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
21min36max
Campo GrandeSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde. À noite o tempo fica aberto.
19min36max
DouradosSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde. À noite o tempo fica aberto.
20min35max
Três LagoasSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.