+55 (67) 3546.2571
sexta, 21 de setembro de 2018
santa rita02
bataguassu
quinta, 13 de setembro de 2018 - 14:45

Sancionada lei que doa área de R$ 6 milhões para ampliação de cervejaria

Projeto foi aprovado na Câmara Municipal na terça-feira (11) para indústria que vai gerar 150 empregos diretos

A Prefeitura sancionou e publicou em Diário Oficial desta quinta-feira (13) a lei que doa uma área com valor de R$ 6.092.402,71 para a empresa Mendes e Doi Ltda a doação de área de 84.911,536 metros quadrados, no Polo Empresarial Oeste. A doação ocorre no âmbito do Prodes (Programa de Incentivos para o Desenvolvimento Econômico e Social).

Além da doação, a lei prevê incentivos fiscais e extrafiscais, com isenção das taxas e do ISSQN (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza) para o período de construção e de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) por dez anos. No espaço, antes, havia um depósito irregular de entulho.

Os trabalhadores da obra serão qualificados, conforme a lei, por convênio junto à Funsat (Fundação Social do Trabalho). Em maio, a fabricante, que é do Grupo RFK, havia expandido as operações para produzir refrigerantes e as cervejas Bamboa e Moema.

Agora, o foco de investimento de R$ 20 milhões está na ampliação da produção de energéticos, envase de água mineral e depósito. Pelo menos 150 novos empregos devem ser gerados, conforme a assessoria da empresa.

Na Câmara - Somente os vereadores Antônio Cruz (PSDB), Loester Nunes (MDB) e Vinicíus Siqueira (DEM) foram contrários a concessão dos benefícios fiscais. O primeiro explicou que sua decisão foi pautada por ser "evangélico e contra bebidas alcóolicas".

Nunes alegou que a área não deveria ser doada, mas vendida para a empresa. Siqueira, por sua vez, manteve sua postura contrária a concessão de incentivos acompanhados de terrenos públicos.



Fonte: Campo Grande News
Veja Também
Comentários
Netshoes Temporário
brasilandia rodape