+55 (67) 3546.2571
domingo, 26 de setembro de 2021
terça, 17 de setembro de 2013 - 11:25

Sensor de digitais do novo iPhone não funciona com dedo amputado

O anúncio do recurso Touch ID - leitor de impressões digitais que permite desbloquear o novo iPhone, anunciado na semana passada, causou um temor em alguns usuários: um dedo amputado pode ser usado para liberar o aparelho? Segundo especialistas ouvidos pelo Mashable, a respostá é não.

O iPhone 5S usa tecnologia de rádio-frequência para fazer a varredura das camadas sub-epidérmicas do dedo, uma dinâmica que exige que o dedo esteja vivo. "A tecnologia é construída de uma forma que a impressão digital tem que ser tomada a partir de um dedo vivo", afirmou o diretor de tecnologia da Validity Sensors, uma empresa californiana de biometria.

O sensor de impressões digitais do iPhone está localizado no botão Home do aparelho. Além de ser usado para desbloquear o smartphone, ele pode ser utilizado para credenciar o usuário a comprar músicas no iTunes ou baixar aplicativos na App Store.

Segundo a Apple, os dados das digitais dos usuários são armazenados unicamente no processador do iPhone. A companhia garante que essas informações não serão armazenadas em seus servidores nem compartilhadas com desenvolvedores de aplicativos ou outras empresas.
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
19min32max
AnaurilândiaSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
22min34max
Campo GrandeSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
21min36max
DouradosSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
20min32max
Três LagoasSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.