+55 (67) 3546.2571
sábado, 24 de julho de 2021
quarta, 7 de novembro de 2012 - 15:25

Sequestro da irmã de Hulk era para pagar dívida de candidato e de dono de restaurante

A Polícia Civil de Campina Grande revelou durante entrevista coletiva, na manhã desta quarta-feira (7), que o sequestro da irmã do jogador Hulk, Angélica Aparecida Vieira de Sousa, 22 anos, foi planejado para pagar uma dívida de campanha do ex-candidato a vereador Rodolfo Sinfrônio (PSD), que disputou uma das 21 vagas da Câmara Municipal daquela cidade este ano.

O sequestro ocorreu na segunda-feira (05). Segundo a Polícia Civil, o empresário Hélio Pereira da Silva, 51, dono do restaurante em que Angélica estagiava como nutricionista, foi o principal mentor do sequestro. O candidato a vereador e o empresário eram amigos e resolveram sequestrar a irmã do atacante da Seleção Brasileira para saldar dívidas. Hélio Pereira teria dívidas de R$ 110 mil. Não foi revelado quanto o candidato estaria devendo.

No momento em que ela foi abordada, na frente do estabelecimento comercial no bairro do Catolé, zona sul de Campina Grande, a irmã do jogador estava com o empresário, que chegou a se passar por vítima. No cativeiro, ela recebeu alimentação fornecida pelo restaurante do empresário. Desconfiou do cardápio e se deu conta da participação do seu patrão.

Ela contou a Polícia que, no cativeiro, o homem que lhe vigiava confessou que receberia R$ 3 mil pelo trabalho. Angélica teria lhe proposto pagar R$ 6 mil. O homem teria aceitado a proposta e ainda acertado para pegar a quantia combinada na casa da vítima. Não concluiu a operação, porque foi preso no dia seguinte pelos policiais.

Todos os detalhes das trapalhadas dos sequestradores foram relatadas na coletiva de imprensa na Central de Polícia. Além de Hélio Pereira, outras três pessoas teriam participado do sequestro.

O outro mentor do crime, segundo a polícia, foi identificado como Rodolfo Bruno Barbosa de Sousa, 21 anos. Ele é conhecido como Rodolfo Sinfrônio e foi candidato a vereador e teve apenas 265 votos. De acordo com o delegado geral adjunto da Polícia Civil de Campina Grande, André Rabelo, Rodolfo teria emprestado o carro - uma blazer - que foi usado no rapto. O candidato continua foragido e um mandado de prisão está sendo expedido.

Os outros dois acusados foram identificados como Victor Hugo Henrique da Silva, 20 anos, e José Eliton de Melo Santos, 28 anos. Ambos vão responder por extorsão mediante sequestro. O delegado Henri Fábio informou que os acusados pediram R$ 300 mil de resgate, que não precisaram ser pagos.

O delegado também informou que, logo após o sequestro, Hélio Pereira ficou detido como testemunha e foi ouvido pelos policiais. Mesmo percebendo contradições em seu depoimento, os policiais liberararm o dono do restaurante, mas mandou agentes o seguirem. Ainda segundo Henri Fábio, o sequestro também não deu certo porque Hélio desconfiou que estava sendo monitorado.

"A frieza com que eles premeditaram o crime foi chocante, mas eles eram amadores neste tipo de crime e nao imaginariam a proporção que ele iria tomar. Tanto que ficaram com tanto medo que resolveram liberar a vítima", disse Henri.

O sequestro

Por volta das 14h da segunda-feira (5), Angélica Aparecida Vieira de Souza estava dentro do carro na frente do restaurante em que estagiava como nutricionista esperando o empresário Hélio Pereira da Silva. De acordo com major Alecsandro Medeiros, sub-comandante do 2º BPM, o Comando de Operações da Polícia Militar (Copom) foi comunicado sobre o sequestro praticado por homens armados que se aproximaram do veículo onde a vítima estava, no bairro do Catolé, e a retiraram do carro sob a mira de armas.

À noite, a polícia confirmou que a família de Hulk havia pedido o afastamento das investigações. Mas só depois de 21 horas, Angélica foi deixada próximo de casa em um Honda Civic de cor prata. A emoção foi grande entre familiares, vizinhos e amigos. Um vídeo feito pela equipe da TV Correio, afiliada da rede Record na Paraíba, mostra o momento da chegada de Angélica em casa.

Hulk

Givanildo Vieira de Souza, o Hulk teve a contratação mais cara do mundo - R$ 143 milhões - pelo time russo do Zenit. O paraibano é também o titular da Seleção Brasileira de Futebol, comandada por Mano Menezes.

O atleta também é conhecido por ser muito próximo da família. No último dia 10 de setembro, quando o Brasil jogou no Recife um amistoso contra a China no estádio do Arruda, Hulk aproveitou a oportunidade e levou toda a família para assistir a partida.
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
15min31max
AnaurilândiaSol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.
17min33max
Campo GrandeSol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.
16min32max
DouradosSol com algumas nuvens. Não chove.
16min31max
Três LagoasSol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.