+55 (67) 3546.2571
domingo, 16 de maio de 2021
quarta, 27 de junho de 2018 - 09:40

Vacinação contra gripe continua em MS e é ampliada para outros 2 grupos

Orientação do Ministério da Saúde é contemplar crianças de 5 a 9 anos e adultos de 50 a 59 anos.

Apesar do término da Campanha de Vacinação contra a gripe em todo o País, alguns municípios de Mato Grosso do Sul ainda possuem doses remanescentes e devem continuar vacinando. No estado, a cobertura deveria ter sido de 90%, mas atingiu 86,72% do público-alvo.

 
PUBLICIDADE

Conforme preconiza o Ministério da Saúde, a orientação é que a vacinação continue nos municípios onde ainda há doses, abrindo a vacinação para outros dois grupos específicos: crianças de cinco a nove anos e adultos de 50 a 59 anos.

 

A campanha nacional foi adiada por duas vezes, devido à baixa adesão da população;. Até esta terça-feira (26), mais de 37 milhões de pessoas se vacinaram em todo País, no entanto, o público-alvo era de 43 milhões.

Em Mato Grosso do Sul, em apenas seis meses, 20 pessoas já morreram vítimas da Influenza, é mais do que o dobro registrado nos 12 meses de 2017.

"A Secretaria de Saúde está em alerta, reforçando junto à população e aos municípios a necessidade de prevenção e procura rápida por assistência à saúde em casos de sintomas da doença, especialmente das pessoas com fatores de risco, como portadores de doenças crônicas, como diabetes, hipertensão e obesidade", comunicou a secretaria, por meio do portal do Governo.

Informou ainda que mantém a orientação aos municípios quanto à vigilância, prevenção e manejo de casos de Influenza, além de distribuir doses de vacina. Todas as cidades receberam o medicamento Oseltamivir (Tamiflu) para tratamento de casos suspeitos de Influenza, conforme o Protocolo de Tratamento do Ministério da Saúde.

Até o momento, não houve falta do medicamento no estado.

Até ontem, (25), foram imunizadas 627.092 pessoas, sendo o grupo dos professores (117,81%) o que teve mais adesão, seguido pelos idosos (95,83%), trabalhadores em saúde(92,55%) e puérperas (95,32%). Os indígenas, com uma população de 72 mil pessoas, ficou com uma cobertura vacinal de 84,95%, ou seja, 61.422 pessoas. A menor procura foi das gestantes, com 71,95%.



Fonte: Campo Grande News
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
16min31max
AnaurilândiaSol com algumas nuvens. Não chove.
19min31max
Campo GrandeSol com algumas nuvens. Não chove.
16min28max
DouradosSol com algumas nuvens. Não chove.
17min31max
Três LagoasSol com algumas nuvens. Não chove.