+55 (67) 3546.2571
segunda, 23 de abril de 2018
camapuaa
CAMARA batagussu2
terça, 17 de abril de 2018 - 09:45

Vaias no debate sobre o Pantanal

Ele, não - A audiência pública sobre uma lei federal sobre o Pantanal começou agitada na Assembleia nesta segunda-feira. Com a maioria do plenário formada por produtores, muitos deles pantaneiros, o presidente da ONG SOS Pantanal, Felipe Dias, foi vaiado ao ser apresentado para compor a mesa de autoridades.

Porquê - A justificativa para o protesto é o temor da classe rural de que que as novas regras possam trazer restrições a ponto de impedir atividades econômicas no Pantanal. Candidato ao senado pelo Podemos, o ex-presidente da Acrissul, Francisco Maia, pediu a palavra para criticar a ideia de novas leis protegendo o Pantanal. “O País já tem lei demais, o Pantanal é 80% preservado, para que novas leis de proteção?”, disparou.

Judicialização –“Ficaremos nas mãos do Judiciário? Será que não será prejudicial ao invés de trazer benefícios? Entendo que a preocupação teria que ser com o homem pantaneiro", completou o pecuarista.

Calma – Na tentativa de amenizar o clima, o promotor do núcleo ambiental do Ministério Público, Luciano Furtado Loubet, usou tom conciliador em sua fala. Para acalmar os ânimos, sugeriu deixar de lado a "dicotomia" que, segundo ele, está ocorrendo no Brasil atual.

Caminho do meio – Loubet afirmou que, da forma como as coisas estão, os debates sempre em dois lados radicais. "Não precisa ser mortadela ou coxinha, azul ou vermelho, produtor e ambientalista, este confronto só atrapalha a sociedade, temos que superar isto, desarmar o espírito e sermos mais tolerantes", discursou.

Visitante – A candidata do PSOL a vice-presidente, Sônia Guajajara, na chapa encabeçada por Guilherme Boulos, estará em Campo Grande na quarta-feira, Dia do Índio. Ela participa de debate promovido pelo sindicato dos funcionários da previdência.

Exigências -  Durante o interrogatório ontem no Tribunal do Júri, Roberson Batista da Silva, de 33 anos, tentou impedir que a equipe do Campo Grande News acompanhasse a audiência, a menos que escrevesse "tudo" que ele prentendia dizer sobre o assassinato de Mayara Hosback. A resposta do juiz responsável Carlos Alberto Garcete foi sucinta, declarando que a audiência era pública.

Pedido - Visivelmente mais magro do que quando foi preso, Robinho, como é conhecido, também solicitou ao juiz para que pudesse ver a filha antes de voltar para o presídio. A menina, de 7 anos, estava com a vó e um tio na audiência. O magistrado deu a autorização.

Intensivão – A Fundação 1º de Maio, braço de formação política do Solidariedade, realizou neste fim de semana um curso de capacitação e organização partidária envolvendo lideranças dos 51 municípios do Estado no qual o SD está organizado, bem como seus dez pré-candidatos a deputado federal e dois a estadual em Mato Grosso do Sul.

Grade – Realizado no Grand Park Hotel, o encontro teve como objetivo capacitar lideranças do SD para a segunda eleição a ser disputada pelo partido, abordando na grade curricular a ideologia do partido, prestação de contas, marketing e uso de redes sociais. Os aspirantes a uma vaga na Assembleia e na Câmara marcaram presença e se apresentaram aos colegas de partido.

(Com Leonardo Rocha, Geisy Garnes e Humberto Marques)



Fonte: Campo Grande News
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaDe inglês a programação: IFMS oferece 370 vagas em cursos de qualificação profissionalResultado será divulgado a partir de 22 de fevereiroTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
brasilandia rodape
Netshoes Temporário
brasilandia