+55 (67) 3546.2571
segunda, 26 de julho de 2021
quarta, 17 de junho de 2015 - 17:15

Vereadores aprovam Plano Municipal de Educação dentro do prazo legal

Matéria sessão da Câmara TL Imprensa CMTLS Adicionar aos contatos Anexo 18:35 Manter esta mensagem na parte superior de sua caixa de entrada Documentos, Fotos Para: Adilson Silva, Flávia Guedes Rocha, João Maria, [email protected], Marco Campos, Celso Daniel, [email protected], Fábio Campos, Redação - Minuto MS Notícias, [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], Pedro L A, [email protected], [email protected], [email protected], rafael, [email protected], [email protected], [email protected], Materia Hojemais, [email protected], [email protected], [email protected], Luiz Correa Filho Correa Filho, [email protected], Adonildo Santos, [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], RADIALISTA - CARLOS HENRIQUE Mano, [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], Aurora Villalba, capital news 2, madiane, editorgeral, lagoa news, [email protected], [email protected], [email protected], Arapuá MS, arapuams ms, Latim Urbano, Latim Urbano, [email protected], cyro mello, [email protected], Pantanal Agora, Érika Moreira Gonçalves, [email protected], [email protected], [email protected], [email protected], [email protected] [email protected] Outlook.com Exibição Ativa 5 anexos (total de 13,8 MB) Clique para obter Opções sessão 16 de junho.doc Clique para obter Opções Clique para obter Opções DSC_7992.JPG Clique para obter Opções DSC_8084.JPG Clique para obter Opções DSC_8096.JPG Baixar tudo como zipSalvar tudo no OneDrive Vereadores aprovam Plano Municipal de Educação dentro do prazo legal Na sessão da última terça-feira (16), os vereadores aprovaram o Plano Municipal de Educação de Três Lagoas, peça que direciona toda a educação municipal, com metas e diretrizes para os próximos dez anos. O plano chegou à Casa com pedido de urgência especial, sendo levado à votação. Desta forma, o município vai cumprir com o prazo legal para a matéria, conforme estabelecido pelo governo federal. O plano foi elaborado após a realização de audiências públicas com participação de integrantes do setor e população interessada em geral, incluindo a Comissão de Educação da Câmara Municipal, presidida pelo vereador professor Nilo Candido. Segundo Nilo, o plano municipal ficou bastante completo, tendo sido discutido por pessoas comprometidas em buscar mais qualidade para o setor. “O importante é que o plano é uma lei que vai ultrapassar administrações e deverá ser seguido pelos próximos governantes. É uma segurança de que o planejamento será cumprido”, avaliou. Entre avanços, ele ressalta a elaboração de políticas públicas para a educação, plano de reformas, construção e adequação da infraestrutura escolar e a previsão de algumas ações, como a elevação do índice de crianças da educação infantil em escolas de período integral. A meta é que passe de 40% para 60%, em quatro anos, informou. O professor Urbano Azambuja, que foi uma das pessoas a debater o plano municipal de educação, acompanhou a votação, na sessão da Câmara e, simbolicamente, recebeu o projeto de lei aprovado. Outros projetos – Na sessão, também foram aprovados o decreto legislativo que autoriza a realização do Domingo Verde, no próximo domingo, visando ação parlamentar voltada ao meio ambiente, e o projeto de lei que concede reposição salarial anual aos servidores efetivos e do quadro permanente da Câmara Municipal. Ainda foram encaminhados, para análise de comissões permanentes, os seguintes projetos de lei: o que divulga a tarifa social mensal nas contas de água; o que altera dispositivos da lei 2301, a Política Municipal de Habitação; o que institui a Semana Municipal da Família; o que cria o Serviço de Transporte para Passageiros na modalidade fretamento; e o veto integral à lei 2909, que implanta projeto esportivo paralímpico na rede municipal de ensino. Também foi arquivado projeto de lei que obriga o Executivo a enviar, para o Legislativo, os editais de licitação, com a justificativa de que os vereadores já têm autoridade para fiscalizar o assunto e de que não há dispositivo orçamentário previsto para isso. Presença popular – Durante a sessão, estiveram presentes moradores das casas da Noroeste do Brasil (NOB), que estão sofrendo com processo de despejo dos imóveis de propriedade da União. Boa parte dos vereadores depositaram apoio à causa deles e ressaltaram que, por meio de lideranças políticas de âmbito federal, como a senadora Simone Tebet, a solução para o impasse deve acontecer em breve. Também participaram da sessão atletas da luta de braço. O presidente da Associação Três-Lagoense de Luta de Braço, José Carlos Vicente de Queiroz, usou a tribuna livre para falar sobre o 8º Desafio Luta de Braço, realizado no município dia 6 de junho, com a presença de centenas de competidores. Ele aproveitou para solicitar mais apoio ao esporte, que congrega homens e mulheres, em 12 categorias.
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
17min34max
AnaurilândiaSol com algumas nuvens. Não chove.
20min34max
Campo GrandeSol com algumas nuvens. Não chove.
17min34max
DouradosSol com algumas nuvens. Não chove.
18min34max
Três LagoasSol com algumas nuvens. Não chove.