+55 (67) 3546.2571
quinta, 23 de setembro de 2021
sexta, 20 de setembro de 2013 - 08:25

Moka cobra do presidente do Senado votação de projeto sobre 10% para a saúde

O senador Waldemir Moka (PMDB) cobrou nesta quinta-feira (19) do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), a votação do projeto de lei, de iniciativa popular, que preve a destinação de 10% da receita bruta da União para a área de saúde. O pedido de Moka foi feito durante sessão no plenário do Senado, que teve a participação do ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

O senador disse que o Congresso precisa usar sua energia para discutir propostas que resolvam o problema da saúde. “Eu assumi a Comissão de Assuntos Sociais com o compromisso de não descansar enquanto o país não tiver dinheiro suficiente para melhorar o atendimento do SUS”, afirmou.

Moka cobrou diretamente o ministro Padilha sobre a falta de proposta do governo ao Congresso. Ele afirmou que o senador Humberto Costa (PT-PE), relator da comissão temporária que proporá soluções para o financiamento da saúde, tem enfrentado dificuldade para fechar o relatório por falta de interesse do Palácio do Planalto.

O sul-mato-grossense disse que tem tido paciência para debater o tema com o governo, mas deixou claro que chegou ao seu limite. “Eu recuei, recuei, recuei e agora bati na parede. E eu, ministro Padilha, não recuo mais. Vamos colocar o assunto em discussão e levar para o plenário do Senado”, avisou.
Veja Também
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
16min33max
AnaurilândiaSol com algumas nuvens. Não chove.
20min35max
Campo GrandeSol com algumas nuvens. Não chove.
19min36max
DouradosSol com algumas nuvens. Não chove.
17min33max
Três LagoasSol com algumas nuvens. Não chove.