+55 (67) 3546.2571
sábado, 25 de setembro de 2021
agua clara
terça, 10 de setembro de 2013 - 16:40

Delegado atira em pneus para impedir fuga de embriagado

O servente de pedreiro Marcelo Trombela, 28 anos, morador na rua Tietê, bairro Pereira Jordão, foi preso na tarde de sábado, 7, depois de causar um acidente sem vítima no semáforo existente no cruzamento da av. Guanabara, centro e tentar fugir antes da chegada da Polícia Militar. Quando foi realizado teste do “bafômetro”, aferiu 1,22 ml alveolar. Além de preso, teve o veículo que dirigia apreendido.

Tudo aconteceu quando Trombela dirigia o veículo Escort na cor cinza, placa BFQ – 1787, pela av. Guanabara, sentido trevo – centro, tendo como passageiro o encanador Francisco Tarcísio Cunha de Oliveira, 26, do estado do Piauí e que está trabalhando juntos nas obras do “Minha Casa, Minha Vida II”, no bairro Bela Vista.

Depois de “cantar” pneu no cruzamento da avenida citada, com a rua Bahia, Trombela não conseguiu frear quando chegou no cruzamento com a rua Minas Gerais, onde o semáforo havia ficado vermelho, batendo contra a traseira de outro veículo à sua frente.

Percebendo a besteira que havia feito, o homem engatou uma ré e bateu contra o para-choque dianteiro do Voyage de cor preta, dirigido pelo delegado castilhense da Polícia Civil Vinícius Barbosa Scolanzi, da DISE -Delegacia de Investigações Sobre Entorpecente. Percebendo que o rapaz fugiria, Scolanzi desceu do veículo, se identificou como policial e ordenou que o rapaz descesse do Escort.

Trombela não obedeceu a ordem de parada e tentou fugir rumo à rua Minas Geriais, momento em que o delegado sacou uma pistola .380mm e efetuou três disparos contra o pneu dianteiro esquerdo do Escort. O passageiro do veículo percebeu que seu colega não ia parar e, com medo de ser alvejado, pisou no freio, parando no pátio do posto Cacique, localizado ali naquele cruzamento.

Com o apoio de viaturas de Força Tática composta pelo sargento Constantino, soldados José Nilton e Andrade a Rocam da Polícia Militar, os dois foram algemados e encaminhados ao plantão policial. Como perceberam que Trombela apresentava sinais de embriaguez, realizaram nele o teste do etilômetro, que acusou 1,21 mililitros de ar alveolar, bem acima dos 0,5 permitidos, determinando o recolhimento do Escort e elaboração de multa.

Já no plantão, o delegado plantonista Marcelo Zampero indiciou o acusado por três crimes: Embriaguês ao volante. desobediência e fuga do local do acidente, decretando sua prisão sem direito a arbitrar fiança.

Depois de apuradas todas as responsabilidades, Francisco Oliveira foi liberado, já que tentou parar o amigo antes dele cometer todas as barbaridades no trânsito causados pela ingestão de bebida alcoólica.
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
19min35max
AnaurilândiaSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
21min36max
Campo GrandeSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde. À noite o tempo fica aberto.
19min36max
DouradosSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde. À noite o tempo fica aberto.
20min35max
Três LagoasSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.