+55 (67) 3546.2571
quinta, 28 de outubro de 2021
agua clara
quinta, 27 de fevereiro de 2014 - 17:15

Mecânico de motos é executado em Ponta Porã

brasilandia
Nesta quarta-feira(26), pela manhã o setor policial registrou mais um crime de pistolagem em Ponta Porã. É o segundo em apenas uma semana no lado brasileiro. Já no lado paraguaio, em Pedro Juan Caballero, o mês de fevereiro também é sangrento, em 10 dias foram registradas três execuções, todas as vítimas são de nacionalidade brasileira.




O crime de hoje pela manhã, por volta das 9h30min., ocorreu numa oficina de motocicleta situada na rua Soilo de Freitas, no bairro Parque de Exposições, em Ponta Porã. O proprietário da oficina, identificado como Cleverson “Lulinha”, estava trabalhando juntamente com seus funcionários, momento que os pistoleiros chegaram e dispararam várias vezes.




“Lulinha” caiu no interior da oficina, momento que os pistoleiros fugiram em alta velocidade tomando como destino o território paraguaio. Os funcionários acionaram o socorro e uma equipe do Corpo de Bombeiros chegou a levar ele ao pronto socorro do Hospital Regional, mas conforme as informações apuradas pelo Repórter MS, ele não resistiu e morreu alguns instantes depois.




A morte de “Lulinha” é a segunda em apenas uma semana. No dia 18 passado, o Repórter MS, noticiou a execução do comerciante Peterson Velilha. Segundo as informações colhidas pela reportagem no local do crime, Peterson estacionou o veículo, uma Range Rover, placas EVQ-2712,de Osasco-SP, para pegar o filho que estava saindo da aula na Escola Mappe, instante em que se aproximaram os pistoleiros que ocupavam um veículo não identificado. Os atiradores dispararam várias vezes contra a vítima que teve morte instantânea. Pelo menos 15 tiros teriam atingido Peterson, sendo 8 de fuzil calibre 5.56 e 7 tiros de pistola calibre 9 milímetros.




Já no lado paraguaio da fronteira, foi morto na segunda-feira, dia 24, o brasileiro Rosivelto Batista da Silva, de 34 anos, conhecido pelo apelido de “Gauchinho”. A vítima estava no interior da Borracharia Central, situada na avenida Dr. Francia, em Pedro Juan Caballero, momento que dois pistoleiros que estavam em uma motocicleta não identificada chegaram ao local e sem medir palavras começaram a disparar rajadas de pistola calibre 9 milímetros. O setor de perícia criminal e investigações de homicídios da Polícia Nacional, o brasileiro foi alvejado por pelo menos 12 disparos de pistola, tendo morte de forma instantânea.




Também no lado paraguaio, no dia 14 deste mês, foram executados a tiros os brasileiros e ex-policiais militares de Mato Grosso do Sul, Jorge Luís Ayala, de 47 anos, e Edson Borda da Silva, de 50 anos. Eles foram executados em pleno centro comercial de Pedro Juan Caballero.
Comentários
Imagem da semanaSinted pede aulas remotas e vacinação dos profissionais da educaçãoTodas as imagens
EnqueteQuem vai ser o Campeão da Copa do Brasil?
Resultados
42,86%
Santos
21,43%
Grêmio
21,43%
São Paulo
14,29%
Fluminense
21min29max
AnaurilândiaSol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.
22min30max
Campo GrandeSol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.
21min32max
DouradosSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde. À noite o tempo fica aberto.
22min29max
Três LagoasSol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.