+55 (67) 3546.2571
quarta, 06 de julho de 2022
sexta, 11 de maio de 2012 - 08:30

Projeto nacional apresenta teatro, lazer e educação ambiental para alunos em Ribas

Olhares atentos para não perder nenhum detalhe. Interação, muita interação. Assim foi a passagem do Projeto Nacional – Cena Ambiental Teatro Itinerante em Ribas do Rio Pardo, que realizou apresentações para quase mil e quinhentos alunos da Rede Municipal de Ensino e particular no último dia 7, segunda-feira no Ginásio do Centro Educacional Rosa Mosso.

O projeto foi possível no município graças a uma parceria com a Gerência Municipal de Educação – Departamento de Projetos, com o apoio das escolas municipais e do Centro Educacional Rosa Mosso. Além dos estudantes, professores e coordenadores também participaram das sessões. O evento contou também com a participação da Gerente Municipal de Educação Ires do Carmo Duarte Vigilato e da coordenadora de projetos da gerência, a socióloga Adriana de Paula.

O Cena Ambiental - Teatro Itinerante é patrocinado pela Tetra Pak, tem o apoio do Ministério da Cultura e é realizado pela STR Eventos. O Projeto apresenta de uma forma inédita uma ação que une cultura através do teatro, lazer e educação ambiental, além de dicas e ensinamentos simples sobre como as crianças podem colaborar e até mesmo adquirir conhecimento para compartilhar com a família sobre a coleta seletiva, reciclagem e preservação ambiental.

Joice da Silva de 9 anos, aluna da Escola Municipal Alcindo Vicente Ferreira foi uma das que não tirou os olhos por um minuto da apresentação e disse que aprendeu muito.

Então, a gente ouve muito sobre reciclagem, coleta seletiva, mas aqui eles explicaram de forma mais fácil pra gente aplicar em casa, separando o lixo, proteger o meio ambiente e pedir que os adultos ajudem a cuidar melhor nossa casa que é o planeta, disse a aluna.

De acordo com Fábio Pasquini, coordenador de campo do Cena Ambiental, a equipe é formada por sete profissionais, Fábio Della Monica, Alexandre, Stanley, Bruna, Marcello e Thamires que juntos viajam pelo Brasil levando lições que ajudam na melhoria na qualidade de vida no planeta Terra.

O projeto começou a rodar em março de 2011, e desde então mais de 120 mil crianças já assistiram as apresentações no palco da reciclagem. E nós temos tido ótimos resultados com o projeto, de cidades que estão se mobilizando na questão da sustentabilidade e buscando tratar de melhor forma a questão ambienta. Em Ribas, ficamos muito satisfeitos com o número de crianças que recebemos. Foi bem mais do que o esperado. Isso é muito gratificante.

Projeto

A iniciativa não tem custo algum para a Prefeitura, para as escolas envolvidas ou para os alunos participantes. A viabilização do projeto foi feita por meio da Lei Rouanet (Ministério da Cultura, Pronac 10.5667), com patrocínio da Tetra Pak.

A equipe do projeto viaja em um micro-ônibus, transportando todo o equipamento necessário para as apresentações: palco, cenário, luz, som, etc. A única exigência para a montagem é que haja alguma cobertura no local escolhido, para a eventualidade de chuva ou sol muito forte.

Espetáculo

O espetáculo é interativo e tem como cenário a floresta, onde alguns animais da fauna brasileira como a arara azul, papagaio, jacaré, tartaruga, coruja, onça pintada, macaco e tucano falam de uma forma bem humorada sobre sustentabilidade, coleta seletiva e reciclagem.

A interação com a plateia é constante e se intensifica com a entrada de uma personagem, a Reciclina, cuja encenação conta com demonstração de como é possível fazer a reciclagem de uma caixinha de leite (Tetra Pak).

No palco, Reciclina corta a embalagem de papelão, coloca dentro do nano cooper (aparelho usado exclusivamente no processo de reciclagem), onde acontece a separação do papel, plástico e e alumínio.

Em seguida a personagem, transforma o material em um novo pedaço de papelão. Segundo o coordenador do projeto Fabio Pasquini, o mais interessante é que o espetáculo trata da preservação ambiental de forma lúdica, fazendo com que as crianças divulguem e discutam com seus pais e responsáveis sobre o assunto.

Também foi doado um aparelho nano cooper para a Gerência de Educação, que ficará disposição dos professores para que eles, se desejarem, façam com suas turmas a experiência de reciclagem.

Na Primeira fase do Projeto Sul e Sudeste forão benefíciados, passamos por mais de 80 Cidades, percorrendo cerca de 50 Mil kilometros e atingindo mais de 60.000 alunos, um grande feito para o projeto e seus realizadores.

Na segunda fase do projeto 2012 serão contemplados mais 80 municípios do Centro-Oeste do País, nossa missão e atingir um número maior de alunos e motivar ainda mais nossa futura geração a discutir e participar da melhoria na qualidade de vida no planeta Terra.

Veja Também
Comentários