(67) 99869-0605
segunda, 17 de junho de 2024
Trânsito | sábado, 6 de fevereiro de 2016 - 09:50

Mais de 3 mil testes de bafômetro serão realizados na Capital durante o Carnaval

Ações contarão com blitzes diárias

Em fevereiro de 2015, mês do Carnaval, 6 mortes foram registradas em Campo Grande. Neste ano, ações do BPTran (Batalhão da Polícia Militar de Trânsito), Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) e GCM (Guarda Civil Municipal) pretendem reduzir o número pelo menos em 50% e, se possível, chegar a zero óbitos.

De acordo com o coronel Renato Tolentino, do BPTran, a partir desta sexta-feira (5), até terça-feira (9), serão feitas blitzes com testes de bafômetro, além de fiscalização de documentos diariamente. Equipes da Polícia Militar, GCM e Agetran também estarão presentes nos locais de maior concentração, como na Praça do Papa, onde ocorrerá o desfile de Carnaval, e na Esplanada.

Segundo o coronel, o foco será nas blitzes da Lei Seca. “O brasileiro tem a cultura da bebida alcoólica durante o Carnaval, então vamos intensificar os trabalhos nas saídas de clubes, para que ninguém se envolva em acidentes graves neste feriadão”, diz Tolentino. Também de acordo com a PM, cada equipe trabalhará com 2 etilômetros, o suficiente para fazer os testes em aproximadamente 600 motoristas por blitz.

A polícia não divulga os locais onde são realizadas as blitzes e afirma que todo o efetivo, de 40 militares, deve atuar na operação de carnaval, tanto os militares do setor administrativo quando os do setor operacional.

Segundo a PM, em fevereiro de 2015 foram registradas 6 mortes no trânsito da Capital, número que a polícia pretende reduzir em 50% neste ano. “Se fizermos um bom trabalho no período do Carnaval, o número de acidentes reduz significantemente durante todo o mês”, afirma o coronel Tolentini.

Acidentes

De acordo com o comandante do BPTran, durante o feriado do Carnaval o número de acidentes cai em relação do resto do ano durante o dia, já que muitos motoristas não trabalham e os estudantes não têm aulas. “No feriadão temos menos veículos circulando durante o dia. Só que por conta do Carnaval, o movimento durante a noite é muito grande, portanto há maior número de acidentes neste período”, diz Tolentini.

Ainda segundo o coronel, o número de autuações por embriaguez ao volante tem aumentado, embora a sociedade já esteja ciente dos riscos. “Talvez o número seja maior porque a fiscalização policial também aumentou”, afirma o coronel. Ainda segundo Tolentini, a maioria dos motoristas detidos por embriaguez ao volante têm entre 18 e 35 anos e 95% são homens.

Fiscalização nas rodovias

Nas rodovias estaduais e federais, PMRE (Polícia Militar Rodoviária Estadual) e PRF (Polícia Rodoviária Federal) também farão operações durante o período de Carnaval. Nas rodovias federais, foram registrados 48 acidentes em 2015, contra 61 em 2014. Além disso, não houve mortes nestas rodovias no último ano durante o Carnaval. Nas rodovias estaduais, embora os números não tenham sido divulgados, houve diminuição de 30% nos acidentes de 2014 para 2015.

Até a meia-noite de quarta-feira (10), PRF contará com efetivo nas 8 rodovias federais que cortam o Estado, com ações preventivas para redução da violência no trânsito. O foco da operação será na fiscalização para coibir ultrapassagem indevida, excesso de velocidade e embriaguez ao volante. Ainda há orientação para as chuvas em Mato Grosso do Sul durante o feriadão, que torna o trânsito nas estradas ainda mais perigoso.

Além disso, veículos de carga terão restrição de horário para circularem nas rodovias durante o feriado. Caminhões bitrens, com dimensões excedentes e caminhões cegonha devem transitar apenas das 16 horas às 24 horas nesta sexta-feira, das 6 horas às 12 horas no sábado (6), das 16 horas às 24 horas na terça-feira (9) e das 6 horas às 12 horas na quarta-feira (10).

Segundo o coronel Valdir, comandante da PMRE, todo o efetivo, tanto administrativo quanto operacional, atuará na operação de Carnaval. As equipes atuarão nas 10 bases da polícia, além de 4 equipes volantes em Bonito, Corumbá, Rio Verde e Chapadão do Sul. Durante a campanha, crianças do Cematran (Centro Educativo de Múltiplas Atividades de Trânsito) entregarão panfletos com orientações gerais aos motoristas. Segundo a PMRE, cada base contará com um aparelho de bafometro, para que sejam realizados os testes.

Também de acordo com o comandante Valdir, o objetivo da operação é conscientizar os motoristas para o respeito à legislação, além de coibir uso de bebida alcoólica, excesso de velocidade e também ultrapassagem em locais indevidos, principais causas de acidentes nas rodovias. PMRE e PRF contarão com uso de radares móveis.



Fonte: midiamax
Veja Também
Comentários