(67) 99869-0605
domingo, 26 de maio de 2024
quarta, 11 de setembro de 2013 - 10:20

Preso em Iguatemi, homem acusado de matar amásia enforcada

Após trabalho de investigação, a Polícia Civil prendeu, no decorrer desta terça-feira (10), em Iguatemi, um indivíduo acusado de asfixiar a amásia, após ter flagrado ela com outro homem na cama. Creusa Fernandes foi assassinada no dia 23 de agosto e as suspeitas da prática do crime recaíram sobre o acusado, João Freitas, o “Beru”, com quem estava amasiada fazia quatro meses.

Ao tomar conhecimento do crime, investigadores da Polícia Civil lotados na Delegacia de Iguatemi passaram a atuar no caso e chegaram até “Beru”. Segundo a Polícia, ao ser preso ontem, Beru teria confessado o assassinato. Ele disse que havia matado Creusa enforcada durante uma discussão, tendo em vista que no dia anterior, 22 de agosto, ele teria flagrado ela com outro homem na cama.

Acusado já havia matado mulher em Sete Quedas

Durante checagem os policiais descobriram que Beru estava com a prisão preventiva decretada pela Justiça da Comarca de Sete Quedas pelo crime de “homicídio doloso”. Em 2005, João já havia matado uma mulher em uma fazenda situada naquele município e desde então estava foragido.

Em Iguatemi, como não foi preso em flagrante pelo assassinato de Creusa, o acusado foi indiciado em inquérito por homicídio doloso. Beru permanece preso na cadeia pública local em decorrência do mandado de prisão expedido pela Justiça de Sete Quedas.
Comentários