(67) 99869-0605
sexta, 21 de junho de 2024
politica | terça, 2 de fevereiro de 2016 - 14:30

Câmara contrata segurança e Bernal é 'escoltado' por secretários em sessão

Retorno das atividades parlamentares ocorre hoje

No último ano de um dos mandatos mais conturbados para a Câmara Municipal, os vereadores voltam ao trabalho nesta terça-feira (2) apoiados por segurança particular. Até então a Guarda Municipal era responsável por 'zelar' pelos legisladores. Por outro lado, o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), que é obrigado por lei a comparecer à sessão inaugural do Legislativo, além dos seguranças de praxe, chegou à Casa de Leis 'escoltado' pela maioria do secretariado.

Na plateia estão, por exemplo, os secretários municipais de Saúde, Administração, Educação e Segurança Pública, Ivandro Fonseca, Ricardo Ballock, Leila Machado e Luidson Noleto respectivamente, além da diretora-presidente da Agereg (Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Campo) Ritva Vieira.

Durante os três anos de mandato a Câmara se tornou palco de protestos acalorados e por muitas vezes necessitou de reforço para segurança dos vereadores. Professores, servidores, opositores, aliados e até os próprios secretários de Bernal protagonizaram discussões acaloradas dentro da Casa.

A mesa diretora suspendeu por alguns instantes sessões emblemáticas, como a de cassação do radialista em março de 2014. Este ano o atual presidente do Legislativo, João Rocha (PSDB), garante que será tranquilo, mas o período eleitoral tradicionalmente deixa o parlamento mais 'temperado'.



Fonte: midiamax
Veja Também
Comentários