(67) 99869-0605
segunda, 17 de junho de 2024
politica | terça, 2 de fevereiro de 2016 - 14:40

Governo estadual vai assinar convênios com cidades afetadas pela chuva

Recuperar estragos da chuva é uma dos objetivos do governo neste ano

O governador do Estado Reinaldo Azambuja disse nesta terça-feira (2), durante a abertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa que a liberação de recursos federais para reconstrução de pontes e estradas destruídas pela chuva foi cobrada na reunião de segunda-feira (1°), entre todos os governadores e o presidente do Senado Federal Renan Calheiros, em Brasília. Porém, segundo ele, ainda não há resposta. Azambuja reafirmou que a expectativa é de liberação de pelo menos R$ 61 milhões, para que todas as pontes de medeira atingidas sejam refeitas em concreto. 

O governador disse ainda que 12 empresas foram contratadas de forma emergencial e que nesta terça, será assinado o convênio com os municípios em situação de emergência de transferência de recursos financeiros. “Ontem conversamos em Brasília para tentar acelerar a resposta do Governo Federal. O tempo ajudando, essas equipes emergenciais com as equipes que já haviam sido contratadas pelo governo vão dar livre acesso às estradas”, disse o governador. 

Com relação à safra agrícola e a preocupação dos produtores rurais com o escoamento, Azambuja disse que “o maior prejuízo foi com a enxurrada que levou as estradas” e que pelo se tem notícia, “teremos uma boa safra, com produção acima do esperado pelos produtores”. O prejuízo para fazer os reparos necessários nas cidades passam de R$ 100 milhões, confirmou Azambuja e já foram disponibilizados R$ 40 milhões em recursos próprios. 

Situação de emergência 

Até o momento são 34 localidades em situação de emergência.

Tacuru, Naviraí, Coronel Sapucaia, Amambai, Sete Quedas, Paranhos, Caarapó, Iguatemi, Novo Horizonte do Sul, Juti, Aral Moreira, Eldorado, 
Itaquiraí, Japorã, Deodápolis, Mundo Novo, Bela Vista, Laguna Carapã, Vicentina, Taquarussú, Guia Lopes da Laguna, Dois Irmãos do Buriti, Jardim, Ivinhema, Campo Grande, Batayporã, Caracol, Fátima do Sul, Miranda, Jateí, Aquidauana, Nioaque, Rio Verde e Anastácio.

Até o momento, 18 municípios já receberam reconhecimento do Governo Federal:

Tacuru, Naviraí, Coronel Sapucaia, Amambai, Sete Quedas, Paranhos, Caarapó, Iguatemi, Novo Horizonte do Sul, Juti, Aral Moreira, Eldorado, Itaquiraí, Japorã, Deodápolis, Mundo Novo, Bela Vista, Laguna Carapã. Essas cidades estão incluídas nos dois primeiros decretos estaduais, publicados no dia 14 e 22 de dezembro.

Decretos

O Estado já publicou quatro decretos estaduais, o último deles nesta sexta-feira (29). Foram incluídas todas as cidades em situação de emergência, com exceção de Campo Grande, que não precisa de recurso estadual, e Anastácio.



Fonte: midiamax
Veja Também
Comentários